Progredindo, mas para onde? (por Gustavo Kafruni)

Na 24ª edição do Foro de São Paulo, uma expressão foi muito presente: "governos progressistas". Há que se admitir ao menos a lucidez no uso das palavras. O que tivemos na última década na América Latina, com algumas exceções como o caso venezuelano, foram mesmo governos progressistas. Isto é, governos que se dedicaram a evoluir … Continuar lendo Progredindo, mas para onde? (por Gustavo Kafruni)

Anúncios

A China descobre o Brasil: o primeiro capítulo das relações sino-brasileiras

Em 1889, um alto burocrata da corte imperial chinesa, Kang Youwei, não se encontrava muito otimista quanto ao futuro do seu país. Rebeliões internas, crises fiscais e o avanço do imperialismo europeu ameaçavam as instituições da dinastia Qing (1644-1911). Em meio às dúvidas acerca da sobrevivência da China como uma nação, potências européias como a … Continuar lendo A China descobre o Brasil: o primeiro capítulo das relações sino-brasileiras

A orgia jurídica do solta-prende Lula (por Bob Fernandes)

  O desembargador de plantão no TRF-4 era Rogério Favreto. Concedeu liberdade a Lula. Errou. Sem fato novo deveria encaminhar o pedido ao STJ. Moro interrompeu férias para descumprir a lei. Desobedeceu publicamente um superior, Favreto, e ordenou à Polícia Federal também desobedece-lo. Presidente do TRF-4, Thompson Flores instruiu Moro passando por cima de Favreto. … Continuar lendo A orgia jurídica do solta-prende Lula (por Bob Fernandes)

Em nome da segurança nacional, ditadura proíbe voto em capitais e outras cidades

Engana-se quem pensa que no período da ditadura militar (1964-1985) apenas os presidentes eram escolhidos sem o voto popular. No dia 4 de junho de 1968, o general-presidente Artur da Costa e Silva instituiu, com a lei nº 5.449, os Municípios de Segurança Nacional. A partir de então, os prefeitos destas áreas passaram a ser … Continuar lendo Em nome da segurança nacional, ditadura proíbe voto em capitais e outras cidades

Em 2001, explosão da plataforma P-36 deixou 11 mortos na Bacia de Campos

Maior plataforma de produção de petróleo em alto-mar à sua época, a P-36 tinha a dupla função de servir como um instrumento importante para exploração petrolífera na costa brasileira, mas igualmente como um ícone da importância e tamanho da Petrobras. Tratava-se de uma megaestrutura operacional que custou à estatal brasileira US$ 350 milhões. Sua construção … Continuar lendo Em 2001, explosão da plataforma P-36 deixou 11 mortos na Bacia de Campos

Petroleiros em greve ameaçaram explodir refinaria de Cubatão em maio de 1995

“Cubatão é uma bomba. O governo faria uma loucura se resolvesse invadir a refinaria”. A declaração, em tom de ameaça, foi feita por Averaldo Menezes Almeida, presidente do Sindicato dos Petroleiros (Sindipetro) local. Era uma resposta à ameaça de invasão da Refinaria Presidente Bernardes, na cidade paulista, pelo Exército. Em maio de 1995, a refinaria … Continuar lendo Petroleiros em greve ameaçaram explodir refinaria de Cubatão em maio de 1995

Royalties do petróleo ganham força na Constituição de 88 e turbinam municípios

Desde a descoberta de petróleo no Brasil, em Lobato, no Recôncavo Baiano, em 1939, os recursos oriundos do "ouro negro" mobilizaram presidentes, governadores e, mais recentemente, prefeitos. A Constituição de 1988, chamada de Cidadã, instituiu o pagamento de royalties nos casos de exploração de petróleo, gás natural, minerais e de recursos hídricos. Os royalties são … Continuar lendo Royalties do petróleo ganham força na Constituição de 88 e turbinam municípios

Criada por Getúlio Vargas, Petrobras é alvo de CPIs desde os anos JK e Jango

Um dos principais alvos da Operação Lava-Jato da Polícia Federal (PF), a Petrobras — a maior estatal do país — já enfrentou outras investigações de Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) na Câmara dos Deputados. Dirigentes da companhia foram convocados, desde a década de 50, para prestar esclarecimentos a parlamentares. No dia 24 de maio de … Continuar lendo Criada por Getúlio Vargas, Petrobras é alvo de CPIs desde os anos JK e Jango

Greves de caminhoneiros fecharam rodovias em 1959 e durante a ditadura

Estradas paradas sempre dão dor de cabeça aos governos, provocam prejuízos à economia e irritam a população. No vizinho Chile do socialista Salvador Allende, a greve dos caminhoneiros no final de 1972 foi mais longe: ajudou a desestabilizar o país e abriu o caminho para o golpe militar que derrubou, no ano seguinte, o presidente … Continuar lendo Greves de caminhoneiros fecharam rodovias em 1959 e durante a ditadura

Não conheço uma pessoa que tenha certeza de que Lula recebeu o tríplex

Não conheço uma única pessoa - nenhuma mesmo - que afirma ter certeza de que Lula recebeu o tríplex do Guarujá a título de propina com o objetivo de manter a nomeação, na Petrobras, de diretores que fossem capazes de facilitar a realização de negócios bilionários da petroleira com a empreiteira OAS. Conheço algumas pessoas … Continuar lendo Não conheço uma pessoa que tenha certeza de que Lula recebeu o tríplex