China avança no Brasil, no rastro da Lava Jato

Evan Ellis, pesquisador do Instituto de Estudos Estratégicos do Army War College, admite que o momento não é ideal para falar dos perigos da expansão chinesa na América Latina. Está difícil convencer os latino-americanos de que os Estados Unidos são um parceiro melhor do que a China —vide as tarifas e cotas de Donald Trump … Continuar lendo China avança no Brasil, no rastro da Lava Jato

A guerra da micro-eletrônica (por Gustavo Gindre)

Uma guerra se avizinha e seu campo de batalha é a microeletrônica. Os celulares e tablets de todo o mundo rodam com chips que se utilizam da tecnologia de uma empresa chamada ARM (inglesa, recentemente comprada pela japonesa Soft Bank). Mas a ARM não fabrica os chips. Ela vive do licenciamento de sua tecnologia. Atualmente … Continuar lendo A guerra da micro-eletrônica (por Gustavo Gindre)

Dia Nacional do Estudante Nicaraguense

Julho é um mês cheio de marcos históricos para a luta pela Libertação Nacional do povo da Nicarágua. Celebrou, neste dia 19 (quinta-feira), 39 anos da Revolução Sandinista: a derrocada da sangrenta ditadura somozista – que transformou o país em mais uma marionete do império estadunidense - pelas mãos das tropas da Frente Sandinista de … Continuar lendo Dia Nacional do Estudante Nicaraguense

A França não tem o direito de reclamar de imigração

- Quando os escravos negros do Haiti se libertaram da França, ela passou a cobrar do Haiti uma suposta divida para indenizar os ex-donos de terras e ex-donos de escravos, sob ameaça de invasão e recolonização. A contenda com a França só acabou quando em 1838 o governo haitiano aceitou pagar 150 milhões de francos. … Continuar lendo A França não tem o direito de reclamar de imigração

100 anos de Nelson Mandela

Nos 100 anos de Nelson Mandela, urge lembrar: Até ser libertado da prisão, Mandela via a luta armada revolucionária como forma de derrubar a ditadura do Apartheid. Longe da imagem de "pacifista humanista" - como um Gandhi - Mandela era um guerrilheiro. Seu grupo, o CNA, combatia com armas o poderoso Exército Sul-Africano. Assim, o … Continuar lendo 100 anos de Nelson Mandela

Análise sobre a situação na Nicarágua (por Victor Cavalcanti)

Ontem vi umas pessoas aqui nesta rede social esbravejando contra o "ditador sanguinário" da Nicarágua, que matou centenas de pessoas que participavam de protestos "pacíficos" nos últimos meses, como tem noticiado amplamente a grande mídia daqui. Assim, na boa, inicialmente esses protestos até tinham razão de ser. O Daniel Ortega, que não é um ditador, … Continuar lendo Análise sobre a situação na Nicarágua (por Victor Cavalcanti)

Clarín: Estados Unidos manejam a Lava Jato para destruir o Brasil e a América Latina

Reportagem do jornal Clarín mostra como o governo norte-americano forma procuradores e influencia no fenômeno do lawfare para derrubar chefes de governo e impor novas lideranças comprometidas com as políticas de austeridade neoliberal. Por El Clarín Chile, com tradução da Carta Maior Num discurso feito em julho deste ano, no qual felicitava. Num discurso feito … Continuar lendo Clarín: Estados Unidos manejam a Lava Jato para destruir o Brasil e a América Latina

Os verdadeiros campeões!

A seleção francesa de futebol, este símbolo esportivo e bastante adequado da "democracia racial" a la francesa, o mito da democracia racial desenvolvido e defendido por teóricos como o brasileiro Gilberto Freyre. O mito da "democracia racial" é, por trás dos engodos que maquiam esse conceito, a ideia de que os países oriundos da colonização … Continuar lendo Os verdadeiros campeões!

Considerações sobre a seleção croata e o nazifascismo (por André Ortega)

“Slava ukraina” hoje não é outra coisa que não um lema bandeirista que agita os apoiadores da Junta de Kiev e os neonazistas que se valem da histeria anti-russa para cometer seus crimes. Slava ukraina é o lema que encobre Poroshenko e Turchynov, que alimenta o pravy setor, é o mote da guerra contra o … Continuar lendo Considerações sobre a seleção croata e o nazifascismo (por André Ortega)

A censura chinesa não teme críticas ao regime

O regime chinês conta com um sofisticado aparato de censura que atualmente emprega centenas de milhares de pessoas. Mas se engana quem pensa que o principal objetivo do braço repressivo do Partido Comunista chinês (PC) seja silenciar vozes críticas às políticas ou ações do governo. Na verdade, a sua raison d’être consiste em evitar a … Continuar lendo A censura chinesa não teme críticas ao regime