“América Latina jamais pode ser pátio traseiro do império”

Durante a sua visita a Moscou, capital russa, o presidente da Bolívia, Evo Morales, foi entrevistado por uma Agência de Notícias da Rússia (a Sputnik). Uma das questões abordadas foi a situação na América Latina. Para o presidente boliviano, na região agora fazem falta "ex-presidentes como Lula, como Hugo Chávez, como Kirchner, como Rafael Correa. … Continuar lendo “América Latina jamais pode ser pátio traseiro do império”

Anúncios

Presidente boliviano dá as boas-vindas à presença da Rússia na América Latina

O presidente da Bolívia, Evo Morales, disse em entrevista exclusiva à Sputnik que saudou a presença da Rússia na América Latina. "A presença da Rússia na América Latina é importante por razões geopolíticas. Quero cumprimentar essa vontade, o desejo da Rússia de cooperar com a Bolívia. Deus dê o retorno da Rússia a toda a … Continuar lendo Presidente boliviano dá as boas-vindas à presença da Rússia na América Latina

Morre ditador de direita, apoiado por neonazistas, que transformou a Bolívia num narco-Estado

Morreu de ataque cardíaco aos 88 anos o ex-ditador militar boliviano Luis García Meza, que cumpria 30 anos de prisão, neste 29 de Abril. 17 de julho de 1980 foi um dos mais violentos golpes militares da Bolívia. Liderados pelo general Luís García Meza, os golpistas derrubaram a presidente interina esquerdista Lydia Gueiler, primeira mulher … Continuar lendo Morre ditador de direita, apoiado por neonazistas, que transformou a Bolívia num narco-Estado

As novas ditaduras latino-americanas

A ascensão autoritária A radicalização reacionária dos governos de países como o Paraguai, Argentina, Brasil, México ou Honduras começa a gerar polêmica quanto à sua caracterização. Nenhum desses regimes resultou de golpes de estado militares. Nos casos do Brasil, Honduras ou Paraguai a destituição dos presidentes foi realizada (mediante paródia constitucional) pelo poder legislativo em … Continuar lendo As novas ditaduras latino-americanas

Sacha Llorenti, guardem esse nome: a defesa da Síria pela Bolívia, na ONU (por Lucas Rubio)

Sacha Llorenti. Guardem esse nome. Esse é o nome do homem que representa a Bolívia no Conselho de Segurança da ONU. E hoje a Bolívia tomou uma atitude histórica e revolucionária ao convocar uma reunião de emergência nas Nações Unidas para discutir sobre o criminoso ataque dos Estados Unidos à Síria. A Bolívia, nação pequena, … Continuar lendo Sacha Llorenti, guardem esse nome: a defesa da Síria pela Bolívia, na ONU (por Lucas Rubio)